Devastada por tsunami, Tonga entra em lockdown após registrar primeiros casos de Covid-19


Nação insular tinha contabilizado apenas um caso da doença, em novembro de 2021, de um viajante da Nova Zelândia; transmissão agora é comunitária

Malau Media/via REUTERS/File PhotoTonga segue tentando se recuperar de tsunami do dia 15 de janeiro

Tonga entrará em confinamento a partir desta quarta-feira, 2, por 48 horas após relatar os primeiros casos de transmissão comunitária da Covid-19. A nação insular ainda sofre com os reflexos do tsunami de 15 de janeiro que devastou partes do arquipélago após uma enorme erupção vulcânica. De acordo com o primeiro-ministro, Siaosi Sovaleni, dois casos foram descobertos entre trabalhadores da linha de frente no porto da capital Nuku’alofa, que distribui as doações para os atingidos pelas enchentes. Tonga tinha registrado apenas um caso de Covid-19, desde o início da pandemia, de um viajante da Nova Zelândia em novembro de 2021. O ministro da saúde, Saia Piukala, afirmou que os homens não apresentaram sintomas e a doença foi descoberta em teste de rotina. A nação insular tem 100 mil habitantes e vive hoje sem telecomunicações e internet, devido ao tsunami. O governo estima que mais de 1.500 pessoas estão desalojadas, enquanto centenas de casas estão destruídas. O acesso à água potável também tem sido um desafio e a ONU informou que irá ajudar na distribuição de ajuda às comunidades, na limpeza das cinzas do vulcão e limpeza de detritos.





Source link

Related Articles

Stay Connected

22,952FãsCurtir
3,377SeguidoresSeguir
19,800InscritosInscrever
- Advertisement -spot_img

Latest Articles