Graciele Lacerda, mulher de Zezé Di Camargo, defende Arthur Aguiar: ‘Me identifico’


Influenciadora afirmou que sabe como é ser julgada e massacrada por situações que as pessoas não sabem como de fato aconteceram

Reprodução/Instagram/gracielelacerdaoficialGraciele Lacerda disse que já foi muito julgada, assim como Arthur Aguiar

A influenciadora digital Graciele Lacerda, mulher do cantor Zezé Di Camargo, saiu em defesa de Arthur Aguiar e disse que se identifica com a trajetória do ator. “Não assisto ao ‘BBB’, vi algumas coisas e estava reparando no Arthur”, afirmou a artista nos stories do Instagram. “Ele foi tão julgado aqui fora por ele ter traído a Maíra, foi aquele furdunço todo, ele colocado como a pior pessoa do mundo por uma atitude que ele teve e lá no ‘BBB’ a gente está podendo conhecer o Arthur diferente, o Arthur que não tem nada a ver com o que as pessoas falavam, julgavam e condenavam aqui fora.” Quando Maíra Cardi decidiu colocar um fim no seu casamento com o brother, que atualmente está confinado no “BBB 22”, ela expôs que tinha sido traída 16 vezes. As exposições sobre o relacionamento continuaram e o número de traições descobertas não parou de crescer. Pouco tempo depois, ela decidiu dar uma nova chance ao seu casamento e voltou com Arthur, que afirma ser um homem diferente agora. 

Para Graciele, o artista tem mostrado no reality da Globo que é, sim, uma pessoa totalmente diferente dos julgamentos que o cercavam. “Nem todo mundo tem um ‘BBB’ para mostrar quem realmente é. Eu me identifico muito com o Arthur nesse sentindo de você ser julgado, condenado, massacrado e xingado por uma situação que as pessoas nem sabem como que foi verdadeiramente. Como sempre falo, existem duas histórias, existem dois lados, existem duas pessoas e, no meio disso, existe uma situação que ninguém sabe, só quem vive”, comentou a influenciadora. “A Maíra perdoou o Arthur porque ela sabe de tudo o que aconteceu e se ela perdoou e está com ele, está tudo bem, não cabe a gente ficar julgando. As pessoas precisam parar de julgar os outros por um ato”, finalizou.





Source link

Related Articles

Stay Connected

22,952FãsCurtir
3,377SeguidoresSeguir
19,800InscritosInscrever
- Advertisement -spot_img

Latest Articles